03 julho 2017

PALOCCI DELATA BANCOS, CONSTRUÇÃO CIVIL E REDE GLOBO

Palocci não livra ninguém.

Na delação que começou a fazer em Curitiba (leia nota a seguir) o ex-ministro Antonio Palocci começou a  arrastar para a Lava Jato nomes de mercado financeiro, indústrias da construção civil, empreiteiras, companheiros e grandes empresas de comunicação, inclusive Rede Globo, que teriam pedido "grande montantes de recursos" no início do primeiro mandato de Lula. 

Não foram apenas JBS e Odebrecht que exerciam forte lobby na política.

Palocci disse aos procuradores que o governo Lula recebeu de empresas de comunicação pedidos por "grandes montantes de recursos". 

O mesmo aconteceu com empresas de construção e do mercado financeiro.

No final da audiência, quando Moro abriu espaço para Palocci falar o que quisesse, o ex-ministro reiterou a declaração enigmática.

O ex-ministro acha que ao delatar, faz um trabalho para o bem ao Brasil.

Palocci faz delação e mostra 

Nenhum comentário:

Postar um comentário